É Natal no Céu

Antes de mais nada, jingle bells! Confesso que estou por demais satisfeito com a cobertura natalina do Ao Sugo. É Natal. É tempo de recordar, é tempo de relembrar e de fortalecer as esperanças nos dias vindouros. É tempo para refletirmos sobre o sentido das coisas… Isso, assim já nos ensinava a trupe do Monty Python. Continuar lendo “É Natal no Céu”

Contrata-se Replicantes

Como vocês sabem nós do Ao Sugo abrimos regurlarmente vagas para Replicantes em nosso staff. Admitimos apenas aqueles com seus testes Voight-Kampf atualizados e que são capazes de preencher todos os requisitos mínimos na produção de excelentes posts para o blog. O objetivo, lógico, é oferecer aos nossos leitores elegantes um conteúdo de internet bastante atrativo e de qualidade indiscutível.

Continuar lendo “Contrata-se Replicantes”

Queijo. A verdadeira ameaça fantasma.

Como lidar com os problemas sociais? Fiz Humanas, sei que a resposta não é fácil. Bebidas. Álcool. Drogas. Vícios. Ilegalidade. Ilícito. Palavras fortes que retumbam com grandes ecos em nossas mentes que hoje tentam manter um pingo de consciência, bom senso e critério. Já diziam uns que tudo o que é realmente gostoso e oferece prazer é algo pecaminoso, digno da maior das danações… Mas o que falar do queijo? Continuar lendo “Queijo. A verdadeira ameaça fantasma.”

Quando não temos mais o que falar

james_dean

Há pouco apanhei uma revista aqui em casa que tinha como dizeres na reportagem de capa algo parecido com “Os jovens de hoje em dia estão perdidos”. Com certeza um título polêmico e digno de nota, instigando o leitor a, primeiro, comprar a publicação e, segundo, abrir na referenciada página para sabermos qual o mais novo pavor da sociedade moderna. E assim o fiz. Continuar lendo “Quando não temos mais o que falar”