5 razões para ler Nas Montanhas da Loucura

5 razões para ler Nas Montanhas da Loucura

Repleto de Spoilers!

H.P. Lovecraft foi definitivamente um dos maiores escritores de horror de todos os tempos. Comecei a ler o autor desde há muito tempo (“quando ainda estava no bercinho”, diria Ben Hazrael) e não há dúvidas. Horror (ou terror, danem-se as classificações e seus classificadores) é um gênero literário capaz de incitar e provocar as mais profundas sensações humanas e o Lovecraft, ah, esse aí o faz muito bem, obrigado. Continuar lendo “5 razões para ler Nas Montanhas da Loucura”

Blogagem Coletiva: 10 coisas que eu tenho que fazer antes de ser abduzido

Blogagem Coletiva: 10 coisas que eu tenho que fazer antes de ser abduzido

A convite do meu amigo Ben Hazrael decidi colocar no Ao Sugo uma dessas listas que vocês gostam tanto sobre essas top coisas, em especial sobre 10 coisas que eu gostaria de fazer antes de ser abduzido por alienígenas. Primeiramente, acho bastante difícil bolar ou fazer um planejamento específico de coisas a serem feitas ANTES de uma abdução alienígena, visto que ela é um fato inexorável em que você não tem o menor controle de quando e como vai acontecer. Continuar lendo “Blogagem Coletiva: 10 coisas que eu tenho que fazer antes de ser abduzido”

Arquivo X n° 2507 – Parte 3 – Melhores episódios da Primeira Temporada

Arquivo X n° 2507 – Parte 3 – Melhores episódios da Primeira Temporada

Caros leitores, hoje cometerei a audácia (ou a infâmia) que apenas o Ben Hazrael é capaz de cometer no nosso estimado Cabaret d’Idées: apresento-lhes a primeira lista maldita dos top 10 alguma coisa! Em 9 de outubro de 2010 eu cometi o “equívoco” de escrever um especial gigantesco sobre Arquivo-X, o que rendeu várias visitações e vários pedidos de continuação. Depois de tanto tempo e de tanta promessa, aqui vai a continuação. Continuar lendo “Arquivo X n° 2507 – Parte 3 – Melhores episódios da Primeira Temporada”

Arquivo X n° 2507 – Parte 2

Arquivo X n° 2507 – Parte 2

Mitologia – Arquivo X nos Cinemas

Por ter começado a assistir ao seriado em 1995, é evidente que não acompanhei Arquivo X na sequência correta. Pelo menos não na primeira vez. Comecei pegando uns episódios pingados da segunda temporada e já ficando extasiado com as preciosidades da terceira temporada, aí já na ordem. Foi graças aos sábados de reruns e maratonas infinitas da FOX em 1996 que pude me atualizar em tempo. Contudo, desde a estreia da terceira temporada, com o sucesso mais do que consolidado, que começou o burburinho de Arquivo X ir para o cinema, um projeto de três anos e ultra mega hiper articulado com a série nas três temporadas seguintes, a terceira, a quarta e a quinta. Continuar lendo “Arquivo X n° 2507 – Parte 2”