Cosplay!

Como vocês já devem ter notado pelo tamanho épico deste especial, o universo de Star Wars é quase tão grande quanto o nosso, senão infinito. Filmes, seriados, livros, quadrinhos, miniaturas, dioramas, trilhas sonoras e tudo quanto é forma de expressão acaba entrando na onda, criando assim o que chamamos de fandom. Uma dessas dimensões que não poderia deixar de ser vista aqui no Ao Sugo é sobre os cosplayers de Star Wars. Eles estão em quase todos os eventos, quase sempre roubando a atenção de todo mundo com seus trajes de Stormtroopers e Darth Vaders e são eles que deixam todos esses eventos cada vez mais especiais. Apesar de hoje ser uma febre com animes e mangás japoneses, poucos são os que sabem que o Costume Play começou com… Star Wars.

Eis uma entrevista com dois cosplayers de Star Wars, João e Erick Martinez, respectivamente pai e filho e por quem somos eternamente gratos! Ser cosplay por lá é assunto de família! Sempre presentes nos eventos de Star Wars e Star Trek da capital paulista, ambos comentam sobre suas motivações e até dão dicas de como se tornar um cosplayer, um hobby que envolve muita paciência, habilidade e carinho pelos nossos filmes prediletos. Conheci João como Darth Vader, a primeira vez em que vi alguém trajando a indumentária do Lord Sith e que me deixou sem fala por alguns instantes durante uma palestra que dava! A entrevista foi especialmente elaborada e conduzida por uma cosplayer do Japão, Mika Fukushima, do Cosupurê de Batata! Divirtam-se!

Cosplay 2

1. Quando começaram a fazer cosplay e por quê?

Foi em 2009. Um amigo me levou a um evento e na mesma época comecei a assistir um anime, Death Note. Gostei e senti curiosidade de ir a um evento vestido à carater. E assim foi indo… Meu pai foi de Darth Vader, em 2011, em sua primeira vez.

2. Vocês fazem cosplays de outros seriados, filmes e animes não relacionados a Star Wars? Pensando nisso, quais são os cosplays que vocês já fizeram até agora, quais foram os mais memoráveis?

Sim. Fazemos de Star Trek. Eu também já fiz de Death Note, como supracitado e ainda faço do personagem Leon de Resident Evil.

Cosplay 1

3. O que é preciso para ser um cosplayer? Para vocês que já estão nesta atividade há um tempo, quais são as suas dicas para um cosplayer iniciante?

Somente uma roupa parecida e conhecimento sobre o personagem. Dicas? Bom, o primeiro passo é escolher o personagem, depois imprimir uma foto e ir procurando peça por peça, até montar a roupa. Depois corremos atrás da peruca, caso necessite. Com tudo pronto, basta se olhar no espelho e ver se sente bem. Com isso, basta se divertir. O complicado é lidar com a crítica… Há pessoas que encontram defeito onde não existe e outros que simplesmente gostam de falar mal.

4. Vocês usam itens oficiais (sabres de luz, elmos, armaduras, capacetes, props, etc) com os cosplays ou só os não-oficiais? Para o universo de Star Wars sabemos da importância da “réplica perfeita” para fazer parte de fã clubes, etc., aí como encaram essa questão?

Usamos oficiais e não oficiais. Itens de coleção, acredito, devem ser oficiais, afinal, coleção se relaciona com valor. Já para os cosplays, acho quase que desnecessário. Em minha visão, um cosplay bom é um cosplay parecido, e não um oficial. Há muita roupa oficial que não é exatamente de qualidade. Quanto aos Fã Clubes, não é minha praia, ao menos no sentido de Star Wars. Há muita burocracia para se entrar e prefiro ir em eventos apenas por diversão (não que eles não se divirtam, admiro o trabalho deles).

Sabres

5. Os itens não-oficiais (roupas, acessórios, etc.) são comprados ou produzidos? Se são comprados, são importados, se são produzidos, quais materiais utilizam?

Produzidos. Não-oficiais comprados acabando não valendo a pena, pois com a Internet, os oficiais acabam saindo mais acessíveis. Em nossos cosplays, por exemplo, a ombreira do Vader é feita de fibra de vidro, e por aí vai.

6.Qual a frequência dos eventos em que participam com cosplay no Brasil? Quais foram os eventos mais importantes que já participaram?

Em média, participamos no mínimo uma vez por mês. É um ambiente divertido, gostaria de ir mais vezes (ano passado fui em uns 25 eventos).

Cosplay 4

7. Começar a fazer cosplay mudou sua vida? Fazer cosplay também mudou a sua percepção dos filmes e Universo Expandido de Star Wars? Como?

Sim, de fato. Conheci muitos amigos bons por meio disso, inclusive minha namorada. Mudou nos filmes, pois percebi que mesmo personagens secundários são importantes para compor uma obra toda. Já vi cosplayers do Povo da Areia, por exemplo. Genial!
Já o Universo Expandido eu não gosto. No máximo o jogos eletrônico The Force Unleashed.

Darth Victor e Mika Fukushima

Fotos: Acervo pessoal de João e Erick Martinez

Deixe um comentário elegante

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s